Seu Jorge e Daniel Jobim louvam o amor no tom maior de Antonio Carlos Jobim | Blog do Mauro Ferreira

Seu Jorge e Daniel Jobim louvam o amor no tom maior de Antonio Carlos Jobim | Blog do Mauro Ferreira

  • Post Author:
  • Post Category:Sem categoria
  • Post Comments:0 Comentários


Com transmissão ao vivo programada para as 19h30m de sexta-feira, 12 de junho, no canal oficial do Teatro Bradesco no YouTube, a live reencenará a atmosfera do espetáculo estreado por Seu Jorge e Daniel Jobim na cidade de Porto Alegre (RS) em 7 de março com roteiro centrado nas músicas de Tom.

No show, que seria apresentado pelo Brasil ao longo deste ano de 2020 em turnê forçosamente interrompida que abrangeria Estados Unidos e Europa, Jorge e Daniel alinhavam 20 músicas de Tom em roteiro seguido pelo duo com os músicos Adriano Trindade (bateria) e Sidão Santos (baixo), músicos que também estarão presentes na live.

Essas 20 músicas deverão compor o roteiro da live prevista para ter mais de duas horas de duração, transmitindo a união do canto grave de Seu Jorge – cantor e compositor carioca projetado em 1998 como integrante do grupo Farofa Carioca e atualmente com 50 anos, recém-completados na segunda-feira, 8 de junho – com o toque contemporâneo (mas reverente a Tom) do piano de Daniel Jobim. O neto do compositor usará em cena o chapéu Panamá que caracterizava publicamente a figura de Tom Jobim.

Tal como chegou a fazer no show com Seu Jorge, Daniel Jobim deverá contar na live algumas histórias sobre o avô entre músicas do cancioneiro de Jobim.

Chega de saudade (Antonio Carlos Jobim e Vinicius de Moraes, 1958), A felicidade (Antonio Carlos Jobim e Vinicius de Moraes, 1959), Corcovado (Antonio Carlos Jobim, 1960), Samba de uma nota só (Antonio Carlos Jobim e Newton Mendonça, 1960), Garota de Ipanema (Antonio Carlos Jobim e Vinicius de Moraes, 1962), Wave (Antonio Carlos Jobim, 1967), Retrato em branco e preto (Antonio Carlos Jobim e Chico Buarque, 1968), Águas de março (Antonio Carlos Jobim, 1972), Lígia (Antonio Carlos Jobim, 1974), Luíza (Antonio Carlos Jobim, 1981), Passarim (Antonio Carlos Jobim, 1985) e Anos dourados (Antonio Carlos Jobim e Chico Buarque, 1986) são músicas previstas no roteiro da live de Seu Jorge com Daniel Jobim. Composições que exemplificam o dom de Antonio Carlos Jobim para abordar o amor em tom maior, sozinho ou com parceiros.



Fonte

Deixe uma resposta