Covid-19: Caraguatatuba já tem 65% dos pacientes positivos recuperados da doença

Covid-19: Caraguatatuba já tem 65% dos pacientes positivos recuperados da doença


De acordo com dados da Secretaria de Saúde de Caraguatatuba, 65% dos pacientes que testaram positivo para Covid-19 na cidade já se recuperaram. Ou seja, já são 303 pacientes curados da doença dos 477 casos positivos confirmados na cidade.

Esses casos de Covid-19 são acompanhados pelo Canal de Atendimento da Saúde. Os pacientes são monitorados diariamente por telefone, inclusive aos feriados e finais de semana, das 7h às 21h.

A equipe conta com uma rede de apoio que inclui uma médica e outros profissionais capacitados e treinados para prestar um atendimento mais humanizado aos pacientes.

O acompanhamento começa desde a notificação até completarem os 14 dias de sintomas ou por maior período, se o paciente permanecer sintomático.

Segundo a médica do Serviço de Atendimento, Catarine Marques Frozza, o acompanhamento é importante e essencial, mas as pessoas precisam ter consciência sobre a evolução da doença.

“Às vezes, a gente acompanha um paciente que está com sintomas leves que acaba evoluindo para um quadro pior em uma velocidade muito grande. Por isso é importante procurar atendimento desde os primeiros sintomas”, disse.

Dados

O Boletim da Vigilância Epidemiológica registrado nesta quinta-feira (02/07) consta 477 confirmados da doença e 224 ainda em investigação. São 35 óbitos registrados de pacientes de Caraguatatuba e outros quatro ainda em investigação.

No momento, há uma pessoa internada com respirador na UTI da UPA Covid e 16 pacientes na Enfermaria (14 de Caraguatatuba e dois de outras cidades).

Na Casa de Saúde Stella Maris há sete pessoas internadas na UTI Covid-19 e 20 na Enfermaria (sendo dois de outros municípios).

No Hospital Regional do Litoral Norte há 11 pacientes na UTI (nove de Caraguatatuba e dois de outros municípios) e seis na Enfermaria.

O registro de casos por bairro, de acordo com levantamento realizado pela Prefeitura, é o seguinte: Aruan, cinco casos; Balneário Maria Helena, um caso; Britânia, dois; Barranco Alto, 21; Benfica, um; Califórnia, três; Capricórnio, um; Caputera, seis; Casa Branca, cinco; Centro, 12; Cidade Jardim, três; Costa Nova, um; Estrela D’Alva, seis; Flecheiras, um; Gaivotas, 18; Golfinho, quatro; Jetuba, dois; Indaiá, 36; Ipiranga, dois; Jardim Jaqueira, nove; Jaraguá, sete; Jaraguazinho, nove; Jardim do Sol, quatro; Jardim Itaúna, um; Jardim Santa Rosa, dois; Jardim Samambaia, quatro; Jardim Maristela, um; Jardim Primavera, quatro; Jardim Rio Santos, dois; Martim de Sá, 13; Massaguaçu, 17; Morro do Algodão, 15; Olaria, 13; Pegorelli, sete; Perequê-Mirim, 26; Poiares, 17; Prainha, um; Pontal Santa Marina, oito; Nova Caraguá, cinco; Porto Novo, 17; Ponte Seca, três; Portal da Fazendinha, um; Praia das Palmeiras, 19; Recanto do Sol, cinco; Rio Claro, três; Rio do Ouro, 17; Sumaré, nove; Tabatinga, quatro; Tarumã, dois; Tinga, 15; Travessão, 19; Verde Mar, um; Vila Atlântica, dois.

Caraguatatuba também atendeu 24 pacientes de São Sebastião; 23 de Ubatuba; cinco de Ilhabela; três de São Paulo; dois de Natividade da Serra; um de Rio Claro; um de São José dos Campos; um do Guarujá; um de Campinas, e um de Majé (RJ).

 

Informações para a Imprensa (12) 3897-5650 ou jornalismo@caraguatatuba.sp.gov.br



Litoral Em Pauta

Deixe uma resposta