Após campanha histórica, Luísa Stefani deixa US Open nas quartas

Após campanha histórica, Luísa Stefani deixa US Open nas quartas


A paulista Luísa Stefani se despediu do US Open nesta segunda-feira (7). A dupla formada com a norte-americana Hayley Carter foi batida pela chinesa Xu Yifan e pela também norte-americana Nicole Melichar, parceria cabeça de chave número três do torneio, por 2 sets a 0 (parciais de 6/2 e 6/3) em pouco mais de uma hora de jogo, pelas quartas de final.

Apesar da eliminação, a campanha de Luísa nos Estados Unidos foi histórica. Há 38 anos uma brasileira não alcançava as quartas de final de um torneio Grand Slam. Ela repetiu o feito de Patrícia Medrado e Cláudia Monteiro, que chegaram à mesma fase em Wimbledon. Em caso de classificação, a paulista teria sido a primeira jogadora do país, desde a multicampeã Maria Esther Bueno, a alcançar à semifinal de um dos quatro principais torneios do circuito mundial.

A parceria entre a brasileira, 39ª no ranking da Associação de Tênis Feminino (WTA, sigla em inglês), e Carter, 36ª do mundo, havia estreado com vitória por 2 sets a 0 sobre as irmãs ucranianas Nadia e Lyudmyla Kichenok. Na segunda fase, superaram as japonesas Shuko Aoyama e Ena Shibahara, cabeças de chave número seis, também por 2 a 0, classificando-se para pegar Melicher e Yifan.

Em agosto, Luísa se tornou a primeira atleta do país, desde a década de 80, a alcançar um posto entre as 40 melhores do mundo no tênis, com o título do WTA de Lexington, também nos Estados Unidos. O torneio marcou o retorno da parceria entre a paulista e Carter às quadras em meio à pandemia do novo coronavírus (covid-19). As jogadoras atuam juntas desde o ano passado.



Source link

Deixe uma resposta